5 (+1) referências sobre Escola de Rua

pitacodemia-escolarua3

Vamos falar sobre educação? (esse tema é sempre bom, né?)

Alguns temas como desescolarização ou educação fora da caixa já foram tratados por aqui. Todos eles, de certo modo, remetem a uma ideia que tem ganhado mais espaço (e polêmicas) nas discussões sobre processo de aprendizado: o que é educação livre? O que é uma escola livre?

Nesse sentido, os temas dos pitacos de hoje endossam esse assunto: Escola de Rua.

Referências sobre educação livre que são base do projeto de Diego Macedo, psicólogo que dá aulas na rua levando áreas como Filosofia e Psicologia para contextos não esperados. Bom, e para dar os pitacos e explicar melhor as referências de seu projeto, deixamos a palavra com o próprio Diego. Bons Pitacos!

pitacodemia-escolarua5

Tô aqui no Pitaco porque acredito na Educação Livre e por causa de uma coisa que eu sempre sonhei e raramente acontece. Uma aula fora da escola.

A educação não deve se resumir a um lugar fechado, a uma instituição. Ela deve ser livre.

E pra ela ser livre de verdade, ela tem que estar acontecendo em todos os lugares. Em casa, na praça ou até mesmo numa fila.
Qual o nome do projeto e qual o seu propósito?

Meu propósito é compartilhar conhecimento e conhecer mais pessoas apaixonadas pela vida que gostariam de aprender e disponibilizar o seu conhecimento e coração a outras pessoas…

E esse meu projeto se chama Escola de Rua.

pitacodemia-escolarua4

Hoje o que levo para as pessoas é assuntos de Psicologia e Filosofia e além de Escutar tentando atender as verdadeiras necessidades do coração delas. É isso que aprendo e ensino na rua.

E onde ela acontece?

A Escola de Rua também acontece em Praças de São Paulo, no Metrô, ou em qualquer outro ambiente onde é possível ensinar. E ele acontece em grupos, individualmente, em filas, andando, e ela se adapta a sua necessidade.

Qual o objetivo?

O objetivo é que todos os espaços sejam percebidos como lugares em que podemos aprender, e que as pessoas se sintam confortáveis em sonhar, criar, participar e escrever a sua própria história, até mesmo na fila do restaurante popular. E também de levar pessoas que queiram ensinar para as ruas.

 

pitactodemia-escolarua1

 

Vamos os pitacos:

1) O filme Corrente do Bem – um professor de Estudos Sociais, faz um desafio aos seus alunos em uma de suas aulas: que eles criem algo que possa mudar o mundo. Um de seus alunos e incentivado pelo desafio do professor, cria um novo jogo, chamado “pay it forward”, em que a cada favor que recebe você retribui a três outras pessoas.

 

2) Visita do cronista Rubem Alves a Escola da Ponte.

 

3) Palestra de Simon Sinek –  Como líderes inspiram a ação.

 

4) Palestra de Ken Robinson –  Escolas que matam a criatividade.

 

5) Livro a Pedagogia da Autonomia de Paulo Freire.

pitacodemia-escolarua2

 

Aproveito para deixar aqui um vídeo do trabalho que estou realizando nesse momento em SP:

 

Curtiu os pitacos? Tem mais referências sobre o tema? Deixe seus comentários abaixo!

 

Ah, e temos um recado final do Diego para quem deseja contribuir nesse processo:

Você gostaria de ver aulas diferentes na rua? De teatro, de comida, de brincadeiras, de psicologia, de filosofia, de redes, de desescolarização, dentre outros temas Você já pensou em se tornar um professor de rua? Já pensou em se tornar um aliado da Escola de Rua?

Quero ser mais INCLUSIVO com a Escola de Rua e ampliar o projeto para que outros educadores possam também ensinar na rua. Convido a aqueles que acreditam numa Educação Livre a preencher um formulário para se tornar um aliado da Escola de Rua para começar a transmitir o nosso amor por esse mundo. Viva a Educação Livre Viva a Escola de Rua!!! 

 

Bons pitacos!

 

Pitacos por:

Diego de Almeida Macedo

Psicólogo, Palestrante, Trabalha com Autistas, amante da Filosofia, e dá Aulas na Rua Projeto – Escola de Rua

Imagens retiradas do blog Escola de Rua.